domingo, 29 de novembro de 2015

Beija-flor-de-papo-branco

As flores do cipó pente-de-macaco (Pithecoctenium crucigerum) estão espocando nesta época, alimento muito procurado pelos beija-flores, principalmente o beija-flor-de-papo-branco.




Flores do cipó pente-de-macaco (Pithecoctenium crucigerum) 



As flores, em forma de tubos claros no exterior e amarelo no interior, se abrem em 5 pétalas na extremidade. O beija-flor apoia-se nessas pétalas com suas minúsculas patinhas  e suga o néctar  com seu bico comprido na parte em que o tubo forma um calombo.




Beija-flor-de-papo-branco


vídeo mostrando as peripécias do beija-flor sugando a flor tubular.
video

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Bico-grosso

Bico-grosso
Nome Científico: Saltator maxillosus
Família Thraupidae

 O gênero Saltator possuem 8 formas no Brasil, todas semelhantes, na qual pertencem o trinca-ferro e o bico-grosso.

Seu bico é grosso, amarelo na base. O macho tem o dorso cinzento com o peito em tons ferrugem. A  listra superciliar é branca, margeia o olho  a partir da base do bico. A fêmea é distinta com dorso verde, bico escuro.  Garganta mais clara margeada por faixas escuras.



Alimenta-se de frutos, insetos, sementes, flores e folhas. Costuma frequentar comedores de quirera de milho.
No período da reprodução vivem em casais. Em duas semanas 3 ovos são incubados, podendo ter duas ninhadas por estação.

Este casal  apareceu na janela da garagem e acredito que o reflexo do vidro o faz voar até ele.






O macho do bico-grosso





A fêmea

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Curruira

Nome Científico:  Troglodytes aedon

Também conhecida como cambaxirra.
Esse pequeno pássaro, de 12 cm, é muito conhecido, adapta-se bem em ambientes urbanos. É onívoro, como insetos e frutos. Pode ser encontrado solitário ou aos pares. Seu ninho pode ser em qualquer cavidade, onde põe 3 a 4 ovos. 

video
Observada no domingo, dia ensolarado , 8 de novembro de 2015

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Suiriri

Suiriri
Nome Científico: Tyrannus melancholicus

Comprimento: 21 cm
Plumagem: Uma característica marcante é o peito amarelado, com dorso e asas cinzentas.

Alimentação: Captura insetos em pleno voo a partir de um puleiro alto. Alimenta-se também de frutas.
 Pode ser encontrado solitário ou em casais.

Essa ave pode ser  encontrada em ambientes urbanos com arborização 

O suiriri fica num puleiro alto observando ao redor
Fios também são usados como puleiro





Essa ave é migratória, aparece nessa região no inicio da primavera.

Sabiá-do-campo

Sabiá-do-campo
Nome Científico: Mimus saturninus
Comprimento: 26 cm
Plumagem: Uma caracteristica marcante é um traço escuro sobre o olho, destacado pela plumagem mais clara acima desta.

Alimentação: No seu repertório inclui frutinhas, que engole inteiras e as sementes são expelidas intactas, sendo por isso um grande dispensor de sementes. Captura insetos em voo. Também forrageia no chão a procura de cupins, formigas etc..

Costumam se encontrados em casais ou bandos.

Reprodução: 3 a 4 ovos são incubados por 11 a 14 dias.

Essa ave encanta pelo seu canto. Arrebita constantemente a cauda comprida com as pontas claras. A diversidade de seus cantos incluem imitação de outras aves, por isso é considerado o melhor imitador de outras aves.



video

terça-feira, 3 de novembro de 2015

Surucuá-variado

Que maravilha acordar de manhã com o canto do surucuá, pássaro de fácil visibilidade, principalmente pelo seu peito rubro que se destaca nos galhos das árvores. Também se destaca entre as folhagens pelo seu tamanho, o surucuá tem uns 30 cm de comprimento. Um canta e outro, longe dali replica o canto.


Nome Científico: Trogon surrucura




Tico-tico

O tico-tico é tão comum nos ambientes urbanos que vê-los nas matas nos lembra que são aves nativas que se adaptaram ao homem. Às vezes são confundidos com os exóticos pardais (originários do Oriente Médio). Tiras negras sobre o cinza, marcam sua face, rodeada com um pala cor de ferrugem. 

Nome Científico: Zonotrichia capensis
Comprimento: 15 cm

Tico-tico na mata, este ficou muito tempo no galho da árvore, cantando e observando.
O tico-tico fêmea não possui o topete do macho

 Tico-tico frequenta comedouros, disputando com outros pássaros farelo de milho
Facilmente é encontrado no chão, seu ninho também é próximo ao chão